Voltar para a capa

Polícia

Joalherias na mira de ladrões

Por
Meia Hora
|

Foram nove ataques nos últimos 10 meses

Rio - Nos últimos 10 meses, aumentou o número de assaltos e tentativas de roubos a joalherias na capital carioca e na Região Metropolitana, com o registro de nove crimes dessa modalidade. A polícia investiga se eles têm ligação e se foram realizados por quadrilha especializada.

“Estamos buscando informações com apoio de outras unidades no sentido de verificar se a autoria é a mesma em joalherias, em shoppings centers. Isto é, identificar possível quadrilha em atuação”, explicou o o titular da 10ª DP (Botafogo), delegado Tarcísio Jansen.

Foto de leitor
Última ação foi em joalheria do Botafogo Praia Shopping, sem vítimas

Na noite de domingo, por volta de 21h, a joalheria Vivara, no primeiro andar do Botafogo Praia Shopping, na Zona Sul, sofreu uma tentativa de assalto. Houve disparos de arma de fogo na frente do centro comercial. Um dos tiros atingiu o sexto andar da parte externa. Ninguém ficou ferido. Lojistas e clientes entraram em pânico. “As pessoas começaram a se jogar no chão, porque estavam com medo dos tiros. Foi uma correria”, contou uma vendedora, que não quis se identificar.

Segundo a polícia, os bandidos fugiram após render um taxista. Um dos criminosos roubou uma moto, que foi recuperada na Rua Professor Alfredo Gomes, lateral ao shopping. O roubo em Botafogo ocorreu menos de uma semana depois de um assalto a uma joalheira no Tijuca Off Shopping, na Zona Norte. A ação terminou com a morte de um PM e um casal baleado.

Primeira Página

Mais lidas