Voltar para a capa

Se Liga

Sandy dispara: 'Nunca precisei fingir nada'

Por
Rodrigo Mandarini
|

Cantora garante que fala besteira e que não é tão perfeitinha como foi pintada desde que apareceu cantando, aos 7 anos

Rio - Em algumas das suas recentes aparições na TV, a cantora Sandy tem tentado desconstruir a imagem de perfeição que conquistou ao longo de 27 anos de carreira. Ela garante que fala besteira e que não é tão perfeitinha como foi pintada desde que apareceu cantando, aos 7 anos, ao lado do irmão, Júnior, na dupla que foi um dos maiores fenômenos musicais do Brasil na década de 90 e início dos anos 2000.

Divulgação
Sandy

Mas neste bate-papo com a Se Liga! — No Meia Hora, foi possível perceber que, mesmo de perto, a imagem que se tem de Sandy é a mesma: uma mulher com jeito de menina, que, aos 34 anos já casada e mãe, ainda pode ser confundida como uma adolescente. Muito educada, ela fala num tom suave, é gentil com quem se aproxima, olha nos olhos e impressiona pela beleza irretocável.

Com pleno conhecimento sobre a imagem que fazem dela, Sandy garante que não tenta ser diferente do que é para agradar a ninguém: “Nunca tive que pensar em como me comportar. Nunca precisei fingir nada. Pra mim, ser como eu sou nunca foi um peso. Tenho consciência que pela forma como sou, pelas pessoas me seguirem, acabo influenciando muita gente. Mas nunca adotei um comportamento artificial ou me preocupei por isso. Eu não faço nada de propósito para gostarem de mim. O público gosta do jeito que eu sou e dou muito valor a isso.Sempre quis ser autêntica. A vida é muito curta para brincar de ser personagem. Não vale a pena.” 

'Me sinto realizada'

Depois de dar um tempo na carreira para se dedicar ao filho, Theo, que nasceu em junho de 2014, Sandy voltou a gravar um CD no ano passado. E desde março, a cantora está rodando o Brasil com a turnê Meu Canto.

A legião de fãs que ela conquistou na carreira junto com o irmão, e que manteve desde que começou a cantar sozinha, tem lotado as casas de shows onde ela se apresenta. Mas nada que se compare ao frenesi que causava nas crianças e jovens no auge do sucesso de Sandy & Júnior.

“A gente fazia shows para 50, 80 mil pessoas. Hoje eu faço em teatro, todo mundo sentadinho, para duas, três mil pessoas. Aquilo lá me preenchia como artista naquela época. Essa nova fase me deixa realizada, me preenche e estou muito feliz também”, compara a artista, que canta músicas novas, mas não esquece de hits dos tempos da dupla.

Ter crescido diante dos olhos do público, e paralelamente com grande parte de seus fãs, trouxe para Sandy uma sensação de muita intimidade com eles. “Eu sinto muita diferença do público de antes e de hoje. Pelo que observo, meu público é formado por 60% de fãs que já acompanhavam a dupla e 40% que acompanham a carreira solo. Eles cresceram, mudaram, mas ainda são muito calorosos e participativos. Gostam de levantar e cantar o tempo todo, aplaudem, gritam a música. Isso passa uma energia muito boa. É uma percepção de sucesso de carreira e por isso me sinto realizada”, vibra.

Em Recife, um fã invadiu o palco. “Levei um susto só na hora. Invadir palco é comum, sempre vivi isso. Mas não me machuquei. Tadinho, ele só queria chegar perto. Fui ingênua e ele me agarrou, puxou forte. É perigoso, não façam isso”, pede Sandy, sempre fofa. 

Papai Júnior volta a cantar

Na última segunda-feira, o fim da dupla Sandy & Júnior completou 10 anos. Fãs encheram as redes sociais dos dois com homenagens pela data. Júnior, que anunciou recentemente que vai ser pai, segue carreira como produtor musical e lançou recentemente o projeto Manimal, no qual se apresenta com um parceiro, tocando música eletrônica e cantando pela primeira vez desde a separação profissional da irmã. 

Marido diz que sabe tudo dela

Marido de Sandy, o músico Lucas Lima, da Família Lima, conversou com a reportagem da Se Liga e disse que não conseguiria perguntar algo à amada, tamanho o conhecimento que um tem do outro: ‘A gente está há 18 anos juntos, de casamento já são oito. O que eu não sei dela, descubro só no olhar. E ela sabe tudo de mim’. 

Liberdade e felicidade

Feliz com o momento solo, Sandy comemora a liberdade que tem encontrado na carreira:
‘Eu sou abençoada, só tenho a agradecer. Sempre tracei o meu caminho fazendo o que estava com vontade, seguindo o meu coração, e sempre deu tão certo. Hoje, nem pressão de gravadora eu tenho. Meu trabalho não é mais pra massa, e mesmo assim mantenho meu público’.  

Filho é mantido longe dos holefotes

Divulgação
Filho de Sany aparece no programa 'Tamanho Família'

Sandy não expõe Theo em redes sociais nem na imprensa. Uma exceção foi um vídeo no programa ‘Tamanho Família’, onde o pai toca na banda, numa homenagem dos vovôs Noely e Xororó ao neto.

Tags: Sandy

Primeira Página

Mais lidas