Mais Lidas

Vídeo: Cenas lamentáveis marcam o jogo entre Internacional e Juventude pelo Gauchão

Houve troca de socos e muita confusão

Houve uma confusão generalizada no fim do primeiro tempo, pelo Gauchão, entre o Inter e Juventude
Houve uma confusão generalizada no fim do primeiro tempo, pelo Gauchão, entre o Inter e Juventude -

Troca de socos e muita confusão. As famosas cenas lamentáveis do futebol estiveram presentes na vitória por 2 a 1 do Internacional contra o Juventude, neste domingo, no Estádio Alfredo Jaconi, pela sexta rodada do Gauchão.

O tumulto generalizado começou aos 42 minutos do primeiro tempo quando a bola saiu em lateral para o Inter, e o goleiro adversário estava fora do gol. Para atrasar a cobrança rápida, o técnico do Juventude, Luiz Carlos Winck, chutou a bola para o banco de reservas e se manteve no caminho para bloquear a passagem do jogador do Inter.

O atacante colorado, William Pottker meteu os dois braços no peito e atropelou o técnico adversário. A partir disso, a confusão já estava formada. Jogadores dos dois times se atracaram. Nico López foi atingido e revidou contra Victor Sallinas. 

Quando as coisas pareciam estar mais calmas, o preparador físico do Juventude ainda atingiu Pottker na altura do peito com as duas mãos. Nico López, Victor Sallinas e Luiz Carlos Winck foram expulsos do jogo. Confira:

Após a partida, o técnico do Internacional Odair Hellmann criticou a confusão. "Com todo respeito e educação, a única coisa que vou falar é: infelizmente perdemos o Nico, que estava bem no jogo em função diferente. Do restante, temos que dar mais valor ao futebol, ao jogo, e parar de valorizar isso", disse o treinador.

Hellmann não citou o treinador do Juventude, mas deu declaração que remete ao colega de profissão. "Cada um responde pelos seus atos. Eu vim para cá preocupado com uma equipe que jogasse o seu melhor futebol possível", afirmou o técnico.