• Siga o Meia-Hora nas redes!

Rodou em flagrante

PM reformado é preso pelo assassinato de um homem em bar da Zona Norte

Luiz Carlos tinha duas armas
Luiz Carlos tinha duas armas - divulgação/PCERJ

Um policial militar reformado, suspeito de matar a tiros um homem em um bar, na Rua Itaeté, no bairro de Colégio, na Zona Norte do Rio, foi preso por agentes da Delegacia de Homicídios da Capital (DH). Luiz Carlos de Souza, conhecido como "Boiadeiro", foi detido momentos depois de cometer o crime, na noite de sábado passado.

De acordo com os investigadores, Luiz Carlos atirou no peito de Reginaldo Alves Lopes, conhecido como "Negão", enquanto a vítima assistia a um jogo de futebol, entre Cruzeiro e Grêmio, válido pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro. Reginaldo, que estava de costas para a entrada do estabelecimento, foi surpreendido por Luiz Carlos, que atirou uma primeira vez contra a vítima. Já no chão, Reginaldo recebeu um segundo tiro, como se Luiz Carlos quisesse se certificar de que a vítima não sobreviveria, de acordo com relatos de testemunhas.

Luiz Carlos foi preso em flagrante. Em sua casa, que fica perto do local do crime, os policiais apreenderam uma pistola e um revólver, apresentados pelo suspeito. A DH já ouviu os depoimentos de seis testemunhas do caso e ainda pretende verificar se câmeras de segurança instaladas no bar registraram o crime, enquanto investiga a motivação do suspeito.

Luiz Carlos foi indiciado por homicídio doloso qualificado em que a vítima do crime fica sem qualquer possibilidade de defesa. Se for julgado culpado, ele poderá ser condenado a uma pena que vai de seis a 20 anos de prisão.

Galeria de Fotos

Luiz Carlos tinha duas armas divulgação/PCERJ
anuncio promoção barato divulgação

Comentários

Mais notícias