Mais Lidas

Golpe na milícia

Suspeitos de invadir Favela do Rola são presos

Armas, munições, cigarros, toucas e porrete foram apreendidos
Armas, munições, cigarros, toucas e porrete foram apreendidos -

Agentes da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) prenderam em flagrante, na manhã de ontem, em Paciência, Zona Oeste, Anderson da Cunha Figueiredo, de 33 anos, e Flávio Soares Santos Cerri, de 28, pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo, constituição de milícia privada e receptação de veículo roubado.

Os dois são suspeitos de participação da invasão de milicianos da Favela do Rola, em Santa Cruz, segunda-feira, e integrariam o grupo de Wellington da Silva Braga, o Ecko, que está foragido e protagoniza diversos confrontos na Zona Oeste e na Baixada Fluminense.

Na ação, foram apreendidas três pistolas calibres, uma carabina beretta, munições calibres, maços de cigarro da marca Gift, uniformes militares, coletes, toucas ninja, um porrete com a inscrição 'Justiça', rádios comunicadores e cadernos com anotações das extorsões da milícia. Também foi encontrada no local uma foto onde os dois aparecem com uniformes operacionais militares, como os usados nos ataques da segunda.

Um terceiro criminoso, que portava pistola com kit rajada, morreu após o confronto com os agentes a arma foi apreendida.

Também ontem, a 3ª Vara Criminal da Capital decretou a prisão preventiva de 15 integrantes de uma milícia que, segundo denúncia do Ministério Público, atua na mesma Zona Oeste do Rio. Um dos acusados, Horácio Souza Carvalho, lidera o grupo conhecido 'Milícia do Bateau' ou 'Bonde do Horácio'. Neste processo, os réus respondem pelo crime de homicídio doloso, quando existe intenção de matar.

Comentários